Evento que acontece há 60 anos, sob a direção divina reunindo dezenas de obreiros da capital, interior e do exterior. Além dos missionários das filiais da missão em 5 países e autoridades de Pernambuco.

Foram nove dias de estudos bíblicos baseados no tema desta edição: “Preservando a sã doutrina na igreja”, ministrados por pastores conferencistas em dois turnos, manhã e tarde, e a noite, culto festivo com participação de mais de 10 mil pessoas presentes em média, e milhares acompanhando a transmissão pela Rede Brasil de Comunicação TV, rádios AM/FM e internet.

Durante esta edição, também foi celebrado o aniversário dos 19 anos do pastor Ailton José Alves a frente da igreja, e dos 40 anos do Templo Central. Desde o início, irmãos se alojaram nas dependências do templo para não perder nenhum dia de estudo. Durante toda a semana, o clima era de satisfação e agradecimento por parte dos obreiros.

No sábado (21), mais de 52 mil pessoas participaram da festa de Abertura do Centenário da IEADPE, na Arena de Pernambuco. Um evento grandioso, com momentos emocionantes, tocantes e emblemáticos que lembrou o princípio desta obra, e ficou cravado na vida de milhares e na história desta igreja. O sinal da presença do Espírito de Deus foi evidenciado no meio do Seu povo. Muitos foram batizados com o Espírito Santo e renovados.

O culto de agradecimento teve início às 18h. Os mais de 10 mil irmãos e irmãs, além de pessoas visitantes, que participaram do último dia do evento, puderam adorar ao Senhor com alegria, enquanto eram entoados hinos de gratidão a Deus. Foi uma noite de regozijo, louvor e adoração a Deus, pelas maravilhas, milagres e experiências espirituais deste evento.

A igreja foi impactada pela Palavra da noite que teve como assunto o “Arrebatamento da Igreja”, ministrada pelo Pr. José Lopes de New Jersey (EUA). “Nos tempos de Paulo, a esperança daqueles crentes era tão grande, que eles esperavam Jesus a qualquer momento”, disse. “Hoje, a sua mente está limitada, mas quando vier o que é perfeito, você vai encontrar o seu pai, sua mãe, seu filho, vai ser uma festa. Nós, nos encontraremos!”, completou.

Todo esse fogo, toda essa pressão é porque Deus quer que você entre na cidade pelas portas. O pastor explicou também sobre o corpo como o qual os salvos que morreram em Cristo, ressuscitarão. “Nós recebemos um corpo glorioso à imagem de Cristo. Você tem essa imagem porque herdou dos seus pais, é genética, semente dos seus pais. Mas, quando ressuscitarmos o novo corpo terá a semente celestial”, explicou.

Ainda no culto de encerramento, o Pastor Presidente, Ailton José Alves, anunciou a consagração de presbíteros que cooperam no interior do Estado. O Pr Luiz Mário, primeiro secretário da Igreja, convidou à frente os novos presbíteros. O Pr. João Severino Fernandes, vice-presidente de honra da Convenção de Ministros da IEADPE (CONADEPE) ministrou a palavra de exortação e aconselhamento, com foco na ordem bíblica de que o presbítero deve ser irrepreensível.

Segundo o Pastor Presidente, a separação dos diáconos e a consagração dos presbíteros que cooperam no Recife e nos setores, assim como a consagração dos evangelistas e as mudanças de gestores nos setores e filiais do Estado serão anunciados na Santa Ceia do Senhor do mês de novembro, no Templo Central.

Fonte: http://adnews.jor.br